Estratégia

Estratégia de eficiência coletiva

Voltar

A estratégia

A Associação de Desenvolvimento Turístico – Aldeias Históricas de Portugal tem vindo a encetar um conjunto de diligências que visam consolidar e dotar de maior atratividade a Marca “Aldeias Históricas de Portugal”. Da candidatura apresentada ao Programa Operacional MAIS CENTRO, no âmbito do Programa de Valorização Económica de Recursos Endógenos (PROVERE), inserido na Estratégia de Valorização Económica de Base Territorial, resultou o Reconhecimento Formal da Estratégia de Eficiência Coletiva PROVERE“ Aldeias Históricas de Portugal – Valorização do Património Judaico”, em Maio de 2009.

O QUE É?

A Estratégia de Eficiência Coletiva (EEC) é um Consórcio liderado pelo Município de Belmonte, e é subscrita pelos municípios de Almeida, Arganil, Belmonte, Celorico da Beira, Fundão, Figueira de Castelo Rodrigo, Idanha-a-Nova, Manteigas, Mêda, Sabugal e Trancoso.

Traduz-se num Programa de Ação que incide sobre um conjunto de projetos-âncora públicos e privados e de projetos complementares privados, estritamente correlacionados com os recursos endógenos Aldeias Históricas de Portugal e Património Judaico.

A Estratégia de Eficiência Coletiva é especialmente vocacionada para três principais áreas de intervenção no território: turismo, património/cultura e produtos tradicionais.