Núcleo Executivo

O Líder do Consórcio: constituído pela direção da AHP-ADT, possui funções deliberativas e de coordenação global das atividades da EEC AHP 2020. As suas decisões garantem o alinhamento dos interesses de todas as entidades públicas e privadas envolvidas na execução da presente estratégia, pelo que todas as deliberações serão efetuadas de forma concertada e integradora, tendo em consideração os contributos dos restantes representantes do Consórcio. Assim, as decisões relativas ao PROVERE serão tomadas pelo Núcleo Executivo.

  • Constituição do Núcleo Executivo: líder do Consórcio e por representantes de cada um dos Grupos de Trabalho (um por cada setor de atividade económica considerado estratégico).

 

  • Reuniões do Núcleo Executivo do PROVERE: reuniões com carácter semestral com a participação da Direção da AHP-ADT (Líder do Consórcio), os interlocutores dos Grupos de trabalho (de cada um dos setores) e o Coordenador da ETGC PROVERE. Nestas reuniões, os interlocutores dos Grupos de Trabalho apresentam o seu parecer, previamente validado com os restantes parceiros. Para tal, estas deverão ser antecedidas por reuniões dos Grupos de Trabalho para debate e discussão das matérias em causa. Nas reuniões do Núcleo Executivo haverá assim uma forte representatividade dos parceiros privados.

Estas reuniões terão ordem de trabalhos previamente comunicada a todos os parceiros, sendo a sua proposta responsabilidade da ETGC e a sua aprovação e envio da responsabilidade do líder do Consorcio. Entre outras matérias, proceder-se-á à monitorização e avaliação do PROVERE, criando condições para a discussão do desempenho dos parceiros na Rede, do cumprimento das atividades planeadas e dos resultados obtidos. Nestas reuniões deverão ser analisados os Relatórios de Execução Física e Financeira e dos Relatórios de Monitorização e Avaliação, elaborados pela Estrutura Técnica de Gestão e Coordenação do PROVERE.

Destas reuniões deverá resultar a aprovação, sempre que se justifique, de medidas corretivas às atividades planeadas, assim como eventuais adequações às metodologias e orientações adotadas. Prevê-se ainda, no âmbito destas reuniões, a proposta e validação da entrada de novas entidades para o Consórcio PROVERE.