Integrada na Estratégia de Eficiência Colectiva (EEC) PROVERE “Aldeias Históricas de Portugal – Valorização do Património Judaico” , a criação de uma Estrutura de Gestão e Coordenação tem como missão assegurar o funcionamento da parceria protocolada no âmbito da EEC, pretendendo-se assim garantir a plena execução do Programa de Acção apresentado e aprovado. A candidatura formalizada pelas Aldeias Históricas de Portugal – Associação de Desenvolvimento Turístico compreende um conjunto de acções enquadradas pelas seguintes linhas de acção:

Dinamização da Parceria: definição da orgânica de funcionamento da Estrutura de Missão, processos e procedimentos correspondentes; Actividades:

a) Abertura e Consolidação de canais de comunicação;

b) Aposta na plataforma digital (videoconferência, upload e download de documentos);

c) Elaboração de templates para os diversos momentos do projecto;

d) Refinamento da imagem ALDEIAS HISTÓRICAS DE PORTUGAL - VALORIZAÇÃO DO PATRIMÓNIO JUDAICO e aplicação a elementos de comunicação (site, publicações, etc.);

e) Lançamento periódico de desafios estratégicos e/ou conjunturais, apelando a soluções de ruptura;

f) Sessões de brainstorming (limitado ou espontâneo).

 

Promoção, Animação e Divulgação: alargamento do universo receptor da mensagem de desenvolvimento estratégico subjacente à EEC ALDEIAS HISTÓRICAS DE PORTUGAL - VALORIZAÇÃO DO PATRIMÓNIO JUDAICO a todo o consórcio participante e a parceiros potenciais, nacionais e internacionais; Actividades:

a) Organização de Workshops/Sessões de esclarecimento (forma informal de participação activa);

b) Organização de Seminário (participação de agentes mas aberto ao público em geral);

c) Organização de Reuniões Técnicas (acompanhamento da evolução do programa de acção, envolvendo os promotores e agentes seleccionados);

d) Organização de Reuniões de Acompanhamento (acompanhamento de candidaturas e esclarecimento de questões);

e) Publicação de anúncios de imprensa em órgãos regionais da área onde se realiza cada workshop, de modo a captar a presença e informar a sua realização;

f) Criação de um sistema de informação intranet e extranet que sirva de veículo e plataforma de colaboração quer para a equipa de trabalho quer para os parceiros do plano de acção;

g) Edição de publicações sobre: o Plano de Acção e EEC; guidelines de cada um dos projectos âncora; resultados finais da EEC.

h) Elaboração de newsletter para todos os elementos do consórcio onde constem:

  • Abertura de avisos de candidaturas;
  • Desafios de projectos conjuntos;
  • Informação genérica sobre as prioridades de BN.

i) Criação de base de dados de contactos internacionais associados às ALDEIAS HISTÓRICAS DE PORTUGAL - VALORIZAÇÃO DO PATRIMÓNIO JUDAICO (áreas classificadas com forte vocação no Turismo Sustentável). A partir de problemáticas identificadas e metas definidas, promover troca de experiências (a nível local, regional, nacional e internacional) em ambiente de competitividade territorial.

Acompanhamento, Monitorização e Avaliação: análise “outside-in” da implementação da EEC, nomeadamente no que se refere ao papel da estrutura de governance e cumprimento de grau de concretização da EEC conforme orientações técnicas.

A) Âmbito Geográfico do Plano de Acção da Estrutura de Gestão e Coordenação NUTS III da Beira Interior Norte, Beira Interior Sul, Cova da Beira e Pinhal Interior Norte, território onde estão localizadas as Aldeias Históricas de Portugal e um conjunto significativo da Valorização do Património judaico, duas marcas que se dirigem a segmentos distintos e que orientam o princípio do PROVERE “Aldeias Históricas de Portugal – Valorização do Património Judaico”: um território, duas marcas e uma estratégia.

B) Objectivos Principais:

• Garantir a implementação da EEC;

• Garantir a execução do Programa de Acção;

• Assegurar a capacidade financeira para desenvolver as acções de dinamização, de coordenação, de acompanhamento, de monitorização e de gestão da parceria; C) Objectivos Específicos:

• Promover o envolvimento dos agentes;

• Atingir elevados níveis de eficácia e de eficiência que permita a concretização dos objectivos e metas definidos aquando da candidatura;

• Assegurar a coerência das acções desenvolvidas em torno do foco temático identificado;

• Fomentar a cultura e da prática da parceria e do trabalho em rede, que valorizem os recursos singulares;

• Promover o apoio as entidades parceiras, de forma a garantir um grau de maturidade elevado das iniciativas previstas no programa de acção;

• Estabelecer estratégia de complementaridade com as estratégias locais de desenvolvimento. Pretende-se que este Plano de Acção contribua para a consolidação da Visão Estratégica definida na candidatura da EEC e que assenta em 5 cinco vectores principais:

1- Criação de uma Parceria mais Forte e Eficiente;

2- Alargar as Temáticas Turísticas Trabalhadas;

3- Reforçar a Estratégia de Marketing Territorial da Beira Interior;

4- Qualificar as Competências Empreendedoras do Território;

5- Promover a Emancipação e o Empowerment do Território MAPA DE DESPESAS ELEGÍVEIS APROVADO:

a) Actividades de Animação, Coordenação e Divulgação da EEC (Reuniões Técnicas);

b) Actividades de Animação, Coordenação e Divulgação da EEC (Reuniões de Acompanhamento);

c) Actividades de Animação, Coordenação e Divulgação da EEC (Seminários);

d) Actividades de Animação, Coordenação e Divulgação da EEC (Workshops); e) Aquisição de Equipamento Administrativo;

f) Aquisição Material Informático;

g) Aquisição Serviços de Avaliação;

h) Aquisição Serviços de Animação;

i) Aquisição Serviços de Apoio ao Empreendedorismo;

j) Aquisição serviços de Marketing e Comunicação;

k) Concepção de Imagem de Material Promocional e Técnico;

l) Despesas Administrativas (Comunicações);

m) Despesas Administrativas (Consumíveis);

n) Edição de Material Promocional e técnico;

o) Estrutura Técnica Associada ao Projecto;

p) Plataforma Digital (Intranet e Extranet);

q) Produção de Conteúdos para Material Promocional

e) Técnico;

r) Promoção e Divulgação (Media);

s) Serviços de Apoio à Actividade Turística;

t) Serviços de Constituição Entidade/Consórcio.